sexta-feira, 29 de fevereiro de 2008

Estréia

Toda vez é a mesma coisa.



O frio na barriga, a secura da boca, os olhos que teimam em procurar todos os pontos, buscando um local de repouso... mas não acham. Olham tudo e todos ao mesmo tempo, num videoclipe insano, quase angustiante. Os músculos do rosto todos tensos. Alguém tem chocolate? Meu reino por um chocolate! Mas chocolate é ruim para a voz, hipótese descartada. Um chiclete, talvez? Ou melhor um Rivotril?

Melhor checar novamente: é 110 volts aqui, né? Tem certeza, né? O microfone está ligado? A mesa está com o volume, o violão está com bateria nova, o afinador está funcionando, eu trouxe a pasta com as letras? Meu Deus! O cabo do violão! Eu tirei da sacola! Acho que não pus de volta! Arranca tudo... não está na sacola! Ah não! Primeiro dia no bar e eu esqueço o cabo do violão! Bom, vou tirar o violão pra ver como eu posso microfoná-lo e... ufa! O cabo estava na capa! Então... tudo pronto?

Faltam cinco minutinhos que não passam nunca. Tento me concentrar ao máximo no aquecimento vocal e corporal... mas o casal da mesa próxima não está entendendo nada: estão vendo uma louca esticando os punhos e falando "brrrrrrrrrrrrrrr". Olham com estranheza (obviamente compreensível).

Tropeço. Derrubo a água. Bato o violão. Esbarro no microfone. Às vezes, tudo ao mesmo tempo.

Garganta seca. Mãos inquietas procurando as cordas.

Coração batucando forte, forte:

- Boa noite, pessoal! Vamos começar a trilha sonora da noite de hoje!

4 comentários:

mundialprog disse...

Trilhemos...amiga Gi.

Felicidades!

Gmpastana.

Gerlane disse...

Suspeito que, essa ansiedade que o musicista sente antes de começar a apresentação, é a mesma que o artista plástico sente antes da vernissage. Compreendo-te bem!
Tenhos vários parentes musicistas;principalmente violonistas:professores de conservatório, universidades. Eu, particularmente, adoro violão, ganhei um de presente do meu pai, mas, não aprendi a tocá-lo. Tive mais jeito com os pincéis e a caneta.

Quanto à pintura da mulher com violão, não é de minha autoria, é de um outro pintor, Ricardo. Também achei-a linda, por isso a pus como minha foto.

Sucesso pra ti!

Beijos!

Neco Vieira disse...

Post maravihoso.

Ameiii Gi.

Puxa.. é isso que acontece no primeiro dia?


AIIii..


[po meu post só teve meu comentario... que sucesso hein? ]


hahah


Bjonm!

Gus Lise disse...

Minha linda, manda ver messsssmoooo no blog!!!!

Valeu pela responsa do link!!!

Agora sou obrigado a escrever, né??

bjoooo