terça-feira, 5 de fevereiro de 2008

A mística do "Toca Raul!"

Reza a lenda que, um mago nascido a dez mil anos atrás, teve uma visão incrível quando uma mosca pousou em sua sopa, fugindo de duas aranhas em pé de guerra:

- Eis que nascerá em um imóvel que está para alugar em uma sociedada alternativa um grande maluco beleza. Ele venderá seu ouro de tolo para Al Capone, prometendo que irá curá-lo de seu medo da chuva. Ele irá encaminhar para o metrô linha 743 aqueles que perderam o trem das 7. Ele fará seu amigo Pedro, um legítimo cowboy fora-da-lei, passar por uma metamorfose ambulante e virar uma menina de amaralina. Ele é aquele que, no dia em que a Terra parar, há de gritar 'Abre-te, Sésamo!' e algo mágico acontecerá nesse momento.
Ao gritar, ele há de se transformar em som para que, toda vez que houver um violão, toda vez que houver um microfone, toda vez que houver um bendito dum músico se apresentando, a multidão, embalada por sua memória ancestral, há de pedir insistentemente:



- TOOOOOOOCA RAUUUUUUUUUUUUUUUUUL!!!!!!


Essa é uma piada que o pessoal da equipe do Blog do Barzinho costuma fazer em seus shows sempre que o infalível "Toca Raul!" se faz ouvir. Mas tem gente que levou isso bem mais a sério. Artistas covers especializados ganham a vida tocando só Raul. Tem uma passeata que acontece todo ano em agosto, a Passeata Raul Seixas - que, segundo os próprios participantes, é a única passeata do mundo em que ninguém reivindica nada em lugar nenhum: é apenas um grande encontro da horda roqueira de Raul. E tem até tese de doutorado sobre ele! E pra aquele que provar que eu tô mentindo, eu tiro o meu chapéu, ops, quer dizer... pra aquele que quiser conferir, aqui está o link do trabalho de Luiz Lima (autor da tese):

http://www.livrariacultura.com.br/scripts/cultura/resenha/resenha.asp?nitem=9023318&sid=20024502410123464429356860&k5=3A18F214&uid=


Mas, no ringue de "Toca Raul", quem realmente mandou muito bem foi o grande Zeca Baleiro, com essa letra muito bem sacada:

Toca Raul!
Zeca Baleiro

Mal eu subo no palco
Um mala um maluco já grita de lá
-Toca Raul!
A vontade que me dá é de mandar
O cara tomar naquele lugar
Mas aí eu paro penso e reflito como é poderoso esse Raulzito
"Puxa vida esse cara é mesmo um mito!"

Em todo canto que eu vou
Tem sempre algum grande fã do cara
É quase uma tara
Jovens velhos e crianças
Malucos e caretas
Parece uma seita
Por isso eu paro penso reflito como é poderoso esse Raulzito
"Puxa vida esse cara é mesmo um mito!"

Agora toda vez que algum maluco beleza gritar
-Toca Raul!
Eu saco esse ás da manga
Esse coelho da cartola essa carta da tanga
Essa balada-quase-rock com pitadas de forró
E nenhum sentimento blue
Pra nunca mais ter que ouvir
Alguém gritar e pedir:
-Toca Raul!

6 comentários:

Neco Vieira disse...

Posso pedir algo?

Toca Raul....

Henrique disse...

Para completar este post, tem uma música da banda Pedra Letícia, chamada Eu não toco Raul.
Vale a pena conferir!
Abraços

Giovana Vincenzi disse...

Muito obrigada pela dica, Henrique! Já escrevi pro pessoal da banda pedindo autorização pra divulgar o clipe da música. Assim que eles responderem, eu posto o link "Eles não tocam Raul".

Valeu mesmo, cara!!

E, Neco querido, pode pedir o que vc quiser!! Até Raul!

Sumaya disse...

Hum...músicas que sutilmente dão uma esquiva com um toque de malandragem,bem interessante ;)

Ederson Sousa disse...

Essa música do Zeca Baleiro realmente é uma ótima sacada.

SEULLUNGA disse...

Dá prá mostrar sua foto tocando violão e descalça? Close nos pés!