domingo, 19 de julho de 2009

Repertório para barzinho: rock internacional

Estava eu, um belo dia, fuçando no Google e digitei "Repertório para Barzinho". Advinha que site está lá, belo e formoso, no terceiro lugar?

Apesar dos pixels revoltados, dá pra ver que o jardineiro é Jesus e o Barzinho somos nozes, né?

Já que é disso que o povo gosta e é isso que o povo quer, vamos que vamos com mais sugestões de repertório!

Apesar de ser uma grande admiradora da música brasileira - e ser verdadeiramente fã de muitos artstas tupiniquins - na hora de plugar o violão e botar a boca no mundo, eu quero mais é botar todo mundo pra cantar e dançar com o bom e velho rock 'n' roll. Então, seguem pra vocês 20 músicas que sempre tenho debaixo dos dedos e que, via de regra, agradam gregos, troianos, casais, terceira idade, molecada, etc.
"Agora o rock'n'roll vai rolar e vai rolar direto!" - Frejat


Have you ever seen the rain/Proud Mary - Creedence Clearwater Revival

Venus - Shocking Blue


O que eu mais gosto de observar quando canto "Have you ever..." é que dificilmente alguém sabe a letra inteira dessa música, mas o "I KNOOOOOW" e o refrão todo mundo canta com um sorrisão no rosto! Gosto muito de "Proud Mary", mas prefiro a versão original, da diva Tina Turner, que sabe tudo de música e de palco.

A "Venus" do Shocking Blue é um caso curioso: ninguém conhece a banda, ninguém conhece a música pelo nome, mas, quando você começa a tocar a introdução, que é bem marcante, todo mundo faz aquela cara de "Ah! Já sei qual é essa!". E você? Já sabe qual é esse som? Então, veja aqui e repare na sobriedade da banda. Hora das baladinhas:


Hotel California - The Eagles

Wish you were here - Pink Floyd

Do you wanna dance - Johnny Rivers

Yesterday - The Beatles



"Hotel California" e "Wish you were here", sem dúvida, são os sons que eu mais toco quando o assunto é "rock ballads". Desde os eventos mais caretas até os barzinhos mais descolados, é batata (gíra idosa) que virá um guardanapo pedindo um desses clássicos... ou ambos!
"Do you wanna dance" agrada principalmente os casais (se tiverem 40 anos ou mais, repare nos olhares saudosos e românticos que eles trocarão, geralmente acompanhados da frase "Lembra do nosso namoro?") e, Yestarday é dos Beatles, o que dispensa maiores justificativas. Beatles são o pretinho básico de qualquer repertório: bateu a dúvida sobre o que tocar? Vai de Beatles que sempre funciona!
Agora umas baladas mais recentes:

Linger - The Cramberries

Every breath you take - The Police

With or without you - U2


"Linger" é uma balada linda, doída, simples, emocionante e estou na torcida para que o Cramberries se recomponha e curta o revival dos anos 90 que começa a se formar. "Every breath you take" é uma música sobre paranóia e perseguição... mas quem liga para a letra quando se tem um arranjo tão romântico? "With or without you" é sempre bem vinda e pode colocar a galera pra cantar o "ôôôô" que todo mundo vai participar.

Aproveitando que o público estará no clima dos "ôôôô", vamos emendar mais uma sequência, começando por mais um som cheio de "ôôôô":

Back on the chain gang/ Don't get me wrong - The Pretenders

Inbetween days/Boys don't cry - The Cure

Losing my religion - REM

Eu sou tão imparcial falando de Pretenders - em especial de "Back on the chain gang" - quanto o Chico Buarque falando de Fluminense. Don't get me wrong é conhecidíssima, mas pouca gente a toca. As músicas do Cure, fáceis de cantar e tocar, simples e diretas, agradam bastante também. "Losing my religion" é aquela música manjada, simples... e que todo mundo, mas todo mundo MESMO conhece e, se não canta junto, no mínimo você vê os pezinhos batendo embaixo da mesa no rítmo da música.
Vamos para as mais animadinhas:
Oh! Pretty woman - Roy Orbison
Crazy little thing called love - Queen
Roy Orbison é uma das vozes mais lindas do rock e criou um dos riffs mais marcantes da história (com essa franjinha, quem diria!). Nem preciso gastar palavras com isso: toque a introdução e veja a reação da rapaziada! Queen sempre será uma banda poderosa e "Crazy little thing..." é dançante, animada e tem um pé e meio nos anos 60.
Momento perfeito para emendar o "gran finale":
Twist and shout -The Beatles
La bamba - Ritchie Valens

Essas são duas músicas das quais o povo não enjoa. E duvido que alguém deixará de fazer o "aaaaaaaaaah" com você. Apoteose!
Agora é com vocês! Faltou alguém nessa lista? Concordou? Discordou? Mandem ver nos comentários!
UPDATE:
Agora, com esse post, estamos em quarto também nessa categoria "Repertório para barzinho"!

7 comentários:

Ind Caroline x) disse...

e é o Barzinho marcando presença pro google e o mundo aehuaeuha
claro q tem q tá em 3º, ou melhor, tinha q tá em 1º ahuau
bjo

Ans disse...

o jardineiro é Jesus e o Barzinho somos nozes



RI MUITO!!!!!!!!!!!

huhauhua

SsupershopP disse...

Legal ,interesante e com muito talento..... rsrsrsrsrs


ssupershopp
http://ssupershopp.blogspot.com/

FAZENDO A FESTA disse...

eu incluiria skyline pigeon, clássico

FAZENDO A FESTA disse...

eu incluiria skyline pigeon, clássico

Vinícius DÓRIAH! - Grupo AUÊH! disse...

Pagaria com gosto um couver que tiver rolando esse som....

Mike Crazy Dog disse...

Bom, 1 gostei da sua publicação, 2 fiquei na duvida de qual tocar na abertura, uma coisas assim q a galera pira logo no começo, depois a sequencia, e por ultimo o final, pra galera ficar querendo bis, e se é conveniente misturar ritmos, tipo mpb, nacional e internacional, ms tambem sei q depende do bar, dos frequentadores e tudo mais... ms mesmo assim quero fazer uma coisa pra galera pirar na nigth e sais bejando muito... heheheh valeu .