sábado, 13 de dezembro de 2008

Canja com etiqueta - galera do bar


Continuando as considerações sobre a canja, chegamos à parte mais delicada do assunto: quando aparece um bicão pedindo pra tocar uma música.




O momento da chegada e o pedido são das formas mais variadas possíveis. Algumas das mais comuns são:

- O civilizado: educadamente, a pessoa chega, no intervalo ou numa pausa entre as músicas e pede pra fazer um som.



- O terceirizado: alguém da mesa se levanta e diz "Meu amigo pode cantar uma música?".


- O tímido: variação do pedido "terceirizado", quando o tal amigo diz que não, aí todo o pessoal da mesa começa a gritar "canta! canta!" e, quando ele finalmente aceita, todos os seus amigos gritam. Na maioria das vezes, a timidez é falsa e os amigos estão bêbados.




Às vezes dá tudo certo: o cara é realmente bom, agrada ao público, toca uma ou duas músicas que têm tudo a ver com o momento do show, enfim, manda bem e todo mundo fica feliz.


Mas tem vezes em que a gente se arrepende amargamente de não ter falado "desculpa, o dono da casa não deixa". O cara é péssimo. O público em geral fecha a cara. Só os amigos (bêbados)aplaudem - pior que isso, ficam pedindo bis. Constrangimento geral e os pensamentos do músico passam pelas seguintes etapas:


- O susto ("Gente! Que horror esse cara cantando!")

- O arrependimento ("Onde eu fui amarrar minha égua!")

- A oração ("Deus, faça com que isso acabe logo e que o dono do bar não brigue comigo!")

- A invenção ("Que que eu vou inventar pra tirar esse cara daí?")

Há casos trágicos também em que um camarada, completamente alcoolizado, cisma que quer cantar uma música, cisma que quer mandar "sua mensagem" no microfone, pega o violão, quer subir ao palco fumando, faz pedido de música exatamente NO MEIO da música (e fica bravo por você não falar com ele!), enfim, as mais variadas modalidades da falta de noção.



Merece menção também o caso raríssimo do bicão famoso. Mais raro ainda é descobrir que o cara era famoso quando postam o vídeo no You Tube, mas, acreditem, pode acontecer.

Tem gente que manda bilhetes pedindo para o cara parar. Outros reclamam para o garçom ou para o dono do bar. Acreditem, é uma situação realmente chata. Muitas vezes, quando o músico acaba sendo "antipático" em não deixar ninguém tocar é por causa desses "traumas".


13 comentários:

Naty disse...

huahauhauhauauahuahauh xD
Adorei a foto dos ratinhos bebados!

Sempre quis ser cantora de barzinho, mas acho q deve ser bem dificil lidar com estas pessoas joselitas! xD

Acho q aquele poema vai continuar poema msm. Mas quem sabe um dia...

Não esquece de assistir a andreia. Ela é minha prima, e já batalhou muito em barzinhos tb. Vc sabe melhor do que eu o quanto é dificil. Obrigada pela visita! ^^
Bjos!

G. disse...

opa!

Salada está de volta!
e já postei do premio!

muito obrigado! =]



http://saladacomfarofa.blogspot.com/2008/12/prmio-dardos.html


http://saladacomfarofa.blogspot.com

Kiliano disse...

KKKKKKK fantastico!!! xD vou copiar os ratinhos bebados pra usar como avatar de msn

Kiliano disse...

OHH!! xD minha namo tb falou dos ratinhos! kkk =]

Aline Cristina. disse...

KKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Adorei !!!

Ótimas colocações, só fico imaginando as situações...

Beijocas !!!

Histórias de uma Quimera disse...

hahahaha
é verdade.
um amigo meu diz, que o mundo é uma pracinha de interior, todo mundo se conhece e acaba se encontrando!
ahahah

Legal que você a conhece!
Beijos moça**
Obrigada por sempre aparecer pelo meu blog.. rsrs
=)

Anselmo disse...

O terceirizado foi otimo kk rs

Rodrigo Yoshizumi disse...

heuaheuheauhea
o pior é que sempre existem os "bicões", não?!

>.<

(uiaaa... ratinhos elogiados! hahah)

bjos! boa semana!

- Vinnycius - disse...

Oláá!

ADOREI o texto, de verdade mesmo, bem divertido...
Cada parágrafo fui imaginado a cena, e o pior que é verdade mesmo...

É estranho e divertido ao mesmo tempo lhe dar com o público.

Ahhhh!
Vim especialmente pra te desejar um ótimo Natal e um 2009 repleto de realizações e prosperidades!

Beijos, até breve!

(www.vinnycius.blig.ig.com.br)

Giovana Vincenzi disse...

Gente, muito obrigada por toda a força aqui no Barzinho!!

São todos "fregueses" queridíssimos e especiais! :oD

Anselmo, não tô conseguindo postar no Cordel, então vai aqui meu comentário sobre o post do Hulk:

"HAHAHAHAHAHAHAHAHA!!!

Adorei!!!!!!! :oD


Cara, desejo a você um ótimo Natal e um grande 2009!

Obrigada pela força de sempre no Barzinho e que o Cordel continue firme e forte!

Bjs"

Beijo enorme e um Natalzão pra todos!

Giovana Vincenzi disse...

Ô droga!!! Não tô conseguindo postar nos blogs do Rodrigo, da Ana, do Kiliano e nem do Vinnycius!!!

Então estendo a vocês também esse agradecimento aqui!

Beijo enorme e muito obrigada pelos votos e pela força de sempre!!!


:oD

G. disse...

oooooooolaaaa

o Salada com Farofa indicou o Blog do Barzinho em 2 (dois) memes!

confere aí:

http://saladacomfarofa.blogspot.com/2008/12/tonelada-de-memes.html


até mais!
Abraço e Feliz Ano Novo

CelyLua - O blog das Letras disse...

Doce Giovana,
Conhecer teu blog foi tudo de bom, a recepção é fantástica! Repletos de alegrias e muitas informações...adoro músicas e tudo que permita a arte reinar.
Acredito que você permita dentro do teu infinito universo interior reinar sempre a essência das melodias...certamente inspirações todas vindas do coração que grita forte querendo cantar e acolher através dos aplausos... a certeza que sua missão de tocar os corações foi acolhida incondicional por todos que também gostam de ouvir sua voz e seu violão.
Na certeza de que muito em breve vou conhecer esta cidade maravilhosa São Paulo, tenha certeza que vou te conhecer pessoalmente pra ouvir seu repertorio que certamente vai infinitamente alegrar meu coração poético,rs,rs.
Deus abençoe sua vida infinitamente!
Também vim desejar “FELIZ ANO NOVO!” Repletos de saúde, paz, amor, harmonia, sabedorias, entendimentos e infinitas inspirações musicais pra sempre tocar na alma de quem busca eternizar a essência do viver em versos... cantados acompanhados de violão.
Sucessos sempre...
Carinhosamente, fã do blog.
Cely Cavalcanti.

Beijos poéticos,rs,rs.