segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Frases esdrúxulas da MPB - 3º round

Eis que tia Vânia Valerie (pronuncia-se "Valerrí") levanta, sacode a poeira, dá a volta por cima e joga na rede mais frases espetacularmente imbecis do nosso querido repertório do Barzinho.

Permaneçam com medo.


"Não vi mais a gata mas tenho minha gaita pra me consolar"
Natiruts - Andei só



Reza a lenda que, dentre as opções constavam as frases: "Não fiz mais a falta mas tenho minha flauta pra me consolar", "Não tenho mais pano mas tenho o piano pra me consolar" e "Não fiz gambiarra mas tenho a guitarra pra me consolar". Tsc tsc...

"Eu vou viver dez/ Eu vou viver cem/ Eu vou viver mil/ Eu vou viver sem você"
Caetano Veloso - Não enche


Deus salve os múltimos de dez! Viva a poesia exponencial! E detalhe para o cem/sem! Sacou? Hein? Hein? Hein? E, na mesma música:


"Sanguessuga que só sabe sugar"
Caetano Veloso - Não enche
E que cazzo Caetano espera que uma sanguessuga saiba fazer? Extrair a raiz quadrada de pi? Dançar hula-hula? Girar a antena pra ver se a imagem melhora? Perguntar se o sabiá sabia assobiar?


"Somos do interior do milho"
Paralamas do Sucesso - Uma brasileira
Composta por Carlinhos Brown




Olha ele aí de novo! Não sei como pude me esquecer de citar essa pérola in-crí-vel! O que será que nosso amigo quis mistificar dessa vez? Estaria Brown escrevendo a biografia dos Sucrilhos? Seria um documentário sobre a vida de uma pipoca? Um estudo sobre as angiospermas?




Quem dá mais?


Agora vamos à uma análise complexa a respeito de Lulu Santos e sua Tudo Azul. A coisa começa basicamente com uma festa hippie-tropical:

"Tudo azul/ Todo mundo nu/ No Brasil/ Sol de norte a sul/ Tudo bem/ Tudo zen"


foto: Spencer Tunick

Meio besta, mas tudo bem... passa. Aí vem uma estrofe linda (principalmente a última frase) e você pensa que nem tudo está perdido:


"Meu bem/ Tudo sem/ Força e direção/ Nós somos muitos/ Não somos fracos/ Somos sozinhos nesta multidão/ Nós somos só um coração/ Sangrando pelo sonho de viver"




Uau! A sequência disso, teoricamente, é algo lindo!


Teoricamente, porque, do nada absoluto, a maionese desanda, o trem descarrilha, a batata assa, a chapa esquenta e a casa cai:

"Eu nunca fui o rei do baião/ Não sei fazer chover no sertão/ Sou flagelado da paixão/ Retirante do amor/ Desempregado do coração"



Crianças, por favor, respondam para a tia:

1- O que é que "todo mundo nu" tem a ver com o baião?

2- O que é que o "sol de norte a sul" tem a ver com estar "desempregado" do coração?

3- Como pode estar tudo zen se o coração está sangrando pelo desejo de viver e, ainda por cima, desempregado? Aliás, será que o coração desempregado poderia ir ao Poupatempo e dirigir-se a um dos postos de atendimento ao trabalhador?

4- O que o fato de não saber fazer chover no sertão tem a ver o resto da música?

5- Desde quando alguém confunde Lulu Santos com Luiz Gonzaga a ponto de precisar dizer que não é o rei do baião?

caricatura Lulu: Gabriel Correa. A do Gonzagão não tem créditos


Alguém arrisca?


Antes que dê grilo na cuca, tia Vânia se vai, mas volta em breve.



PS: Gostou das análises? Tem mais "pérolas da MPB" aqui, aqui, aqui e aqui!

21 comentários:

Naty disse...

xD
Ri tanto que quase chorei!
Maravilha esta serie de frases horriveis da musica brasileira!

Barbara Bastos disse...

Mijei de rir...quase que literalmente...ahahahahahaha

Olha, vai no meu blog que tem um presente pra vc.....

Mil beijos
Barbara

Edson disse...

Muito bom!!!
E tem Sandy e Junior:
"o que é imortal... não morre no final"
hmmmm pensei que algo "Imortal" moresse!
hehehe

Bjs!

Histórias de uma Quimera disse...

ahahahha
adorei!

É cada uma.. rsrs

Beijos Moça!
=)

Augusto Mota disse...

Olha que vc vai virar topico fixo no Hippies & Beatniks. A antes que eu me esqueça, obrigado pela autorização.
Namastê

Michele Hubner disse...

estava procurando um bar e encontrei, dos melhores!

kkkk "adorei" as frases..

Ederson Sousa disse...

HUAHAUHAUAHAUHAU!!!
Muito bom!!!
Será que você pode imaginar como os compositores conseguem fazer essas frases com grande significado? (apenas para eles, não?)

Lô Dornela disse...

kkkkkkkkkkkkkkkk, pra variar to chorando aki de rir. Vc é ótima!!!

Ind Caroline x) disse...

concerteeeza q gostei.. aehuaheuaeh..
só vc pra fazer essas análises.. ^^

Beijos

Rodrigo Yoshizumi disse...

hahahah
adorei a teoria da pipoca! xD

e essa última... vixii.. acho que o pessoal anda prezando demais as rimas..e desprezando o significado das palavras

-.-

bjos! bom fim de semana!

Luíza disse...

Pior com certeza é ana carolina "eu vou de escada para elevar a dor!" r i d i c u l o!

Sandro disse...

Adorei a lista.. é verdade mesmo, em nome da poesia alguns caras dão uma viajada e pÁ! sai ma frase meio doida... Muito engraçado... Isso quando a música inteira não é doida, como "Dois sóis", por exemplo. Mas os campeões do initeligível ainda são para mim Zé Ramalho e O Rappa.

O que vc acha de "Eu vou te jogar num papo de guardar confete" ?... rs

Kiliano disse...

Não sei oq vc fez, mas tenho meu "ême pê três" pra me consolar!!!

Essa é a nova geração


kkkkkkk

Não acredito que não compentei aqui até agora!!! xD kkkkk

mais uma postagem fantástica! =]

Martin disse...

Postei um prêmio pra você lá no WWW.MEGADOCUMENTARIOS.BLOGSPOT.COM
espero que goste

http://megadocumentarios.blogspot.com/2009/01/prmio-mem.html

Mabelle disse...

kkkkkkkkkkkk
Parabens pelo blog. Eu tb ri tanto que quase chorei...
O Máximo! Just perfect.
Coloquei seu link no meu blog.
Abraços

J disse...

Esses cantores tem Licença Poética, mas alguns principalmente internacional nem a poesia aceita.

Anselmo disse...

Puts, somos do interior do milho foi fodah
A caricatura do Gonzagão é ótima

Gabriel Lucas disse...

Essa parto "do milho" eu já tinha me encucado. As vezes, existe alguma cidade chamada "Milho Verde" no interiorzão por ai.

Sei que no interior do ES, tem Laranja da Terra.

Abraços,
Gabriel Lucas
http://factoide.wordpress.com

Adrina disse...

Passo mal de rir no seu blog. Eu toco violão mal e porcamente, e quando era criança meu sonho era ser cantora de barzinho (é mole?); vireo advogada por pirraça do destino. Parabés pela profissão, que valorizo DEMAIS (adoro muito, gosto até dos desafinados), e pelo blog. abraços!

Giovana Vincenzi disse...

Não consegui acessar os perfis da Luíza nem da Adrina, então vou responder por aqui... espero que vocês vejam, meninas! :o)

Luíza: EXCELENTE sugestão. Certamente estará no próximo post... e devidamente creditada!!! Seja sempre bem-vinda ao nosso Barzinho! :o)

Adrina: Muito obrigada pelo carinho!! :o) Se puder te ajudar com dicas de violão, repertório, canto ou o que for, só me escrever!! :o)

Beijão!!

Gabriel Lucas disse...

Olá,

A versão de Smell like Teen Spirit faz parte de um álbum só de covers da Patti Smith.

Muito bom por sinal, além de Nivana, há versões de Rolling Stones e até do Bob Dylan, com Changing of the Guard, para mim, a melhor música do God Dylan (brigando com Hurricane).

Abraços,

Gabriel Lucas
http://factoide.wordpress.com